Semur lança projeto “Esta pode ser a sua História”

0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura de Salvador, através da Secretaria da Reparação (Semur), realizou na última quinta-feira 22, cerimônia de lançamento do Projeto Esta Pode ser Sua História, homenageando juntamente o Dia da Responsabilidade Social, comemorado no dia 25 deste mês.

O evento ocorreu no restaurante do SENAC, Pelourinho e contou com a presença de aproximadamente 40 pessoas, além do Secretário da Reparação Ailton Ferreira, o Subsecretário, Edmilson Sales, as personalidades homenageadas como a docente Cláudia Rocha da Silva, o empresário Mário Nelson Carvalho e a advogada Dra. Eunice Martins, bem como representantes de empresas outorgadas do Selo da Diversidade Étnico-Racial e representantes do movimento negro.

O Projeto, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, Lazer e Cultura, tem o objetivo de apresentar histórias de sucesso de ícones negros vivos, que atuam na área acadêmica, empresarial e jurídica e que servirão de referência de superação para jovens e adultos da modernidade.

A exposição contará com totens de personalidades, disponibilizadas em Shoppings de Salvador a partir desta segunda-feira 26 e nas escolas municipais. Serão realizadas também Rodas de Diálogos nas quais as personalidades contarão um pouco de sua história, interagindo com o público. Após a mostra, o projeto tornar-se-á itinerante nas escolas municipais e será finalizado na Concha Acústica em um grande evento com estudantes, na primeira quinzena de novembro, com a participação de todos os envolvidos no projeto.

A escolha dos intelectuais ocorreu, entre os dias 5 a 16 de setembro, através do voto no Blog da Diversidade www.blogdadiversidade.salvador.ba.gov.br

As personalidades escolhidas foram a professora doutora e mestre em Educação pela UFBa, Ana Célia da Silva; a educadora Arany Santana; a professora e mestre em Educação e Contemporaneidade, Cláudia Rocha; a advogada e presidente da Comissão de Promoção da Igualdade Racial da OAB, Eunice Martins; o engenheiro e empresário Horácio Brasil; a juíza de Direito Louislinda Valois; o advogado e conselheiro da OAB, Manassés de Jesus Santos; o presidente da Associação Nacional dos Empresários Afrodescendentes (Anceabra), Mario Nelson Carvalho; a advogada e conselheira da OAB, Silvia Cerqueira; o advogado e professor doutor, Samuel Vida; o advogado e mestre em Direito, Sérgio São Bernardo; e o presidente da Fundação Pedro Calmon, Ubiratan Castro.

 

0
0
0
s2sdefault