Noventa e dois anos de pura inovação: Mãe Stella de Oxóssi lança aplicativo

“Ninguém é tão sábio que não tenha necessidade de ser um eterno aprendiz”. Essa é uma das frases que fazem parte do repertório disponível em um aplicativo idealizado e produzido por Mãe Stella de Oxóssi. A ialorixá do Ilê Axé Opô Afonjá, que completou 92  anos ontem, decidiu festejar inovando - e a frase resume bem a ideia da comemoração. Para ela, não há tempo que impeça o avanço na tecnologia.

O interesse de Mãe Stella pela nova plataforma veio após ler uma reportagem que falava a respeito de aplicativos para celular. Ela, então, perguntou para a filha de santo Graziela Domini, que explicou rapidamente a lógica dos famosos ‘apps’.

Mas foi com o professor Nelson Pretto, da Universidade Federal da Bahia (Ufba), que a ideia da ialorixá se concretizou e, então, nasceu o app chamado de Orientações de Mãe Stella. E ela própria explica como o projeto surgiu.

“Chegou Pretto, que é da universidade e escritor também, e assim que ele entrou, eu perguntei: ‘O que é aplicativo?’, e ele: ‘Pra quê que você quer saber?’. Eu fiquei acanhada e disse que eu queria saber o que era, porque eu não sabia. Depois que ele explicou, eu disse: ‘Ah, interessante, eu quero fazer um aqui pro axé’”, conta ela.

E nem o fato de ter apenas uma explicação inicial do que queria atrapalhou as ideias de Mãe Stella. “Me disseram: ‘Stella, você não sabe nem o que é direito’, e eu disse: ‘O orixá orienta’, e ele orientou mesmo”, lembra a ialorixá.

A mãe de santo resume a importância do aplicativo lançado, ontem, oficialmente: “É o trabalho da gente, mesmo, isso aí, trabalho do axé”, diz. O app está disponível nas lojas da Apple Store e Play Store e pode ser baixado gratuitamente. 

 

Cores do app também foram escolhidas por Mãe Stella de Oxóssi: o azul do orixá
(Foto: Evandro Veiga/CORREIO)

“Ninguém é tão sábio que não tenha necessidade de ser um eterno aprendiz”. Essa é uma das frases que fazem parte do repertório disponível em um aplicativo idealizado e produzido por Mãe Stella de Oxóssi. A ialorixá do Ilê Axé Opô Afonjá, que completou 92  anos ontem, decidiu festejar inovando - e a frase resume bem a ideia da comemoração. Para ela, não há tempo que impeça o avanço na tecnologia.

O interesse de Mãe Stella pela nova plataforma veio após ler uma reportagem que falava a respeito de aplicativos para celular. Ela, então, perguntou para a filha de santo Graziela Domini, que explicou rapidamente a lógica dos famosos ‘apps’.

Mas foi com o professor Nelson Pretto, da Universidade Federal da Bahia (Ufba), que a ideia da ialorixá se concretizou e, então, nasceu o app chamado de Orientações de Mãe Stella. E ela própria explica como o projeto surgiu.

“Chegou Pretto, que é da universidade e escritor também, e assim que ele entrou, eu perguntei: ‘O que é aplicativo?’, e ele: ‘Pra quê que você quer saber?’. Eu fiquei acanhada e disse que eu queria saber o que era, porque eu não sabia. Depois que ele explicou, eu disse: ‘Ah, interessante, eu quero fazer um aqui pro axé’”, conta ela.

E nem o fato de ter apenas uma explicação inicial do que queria atrapalhou as ideias de Mãe Stella. “Me disseram: ‘Stella, você não sabe nem o que é direito’, e eu disse: ‘O orixá orienta’, e ele orientou mesmo”, lembra a ialorixá.

A mãe de santo resume a importância do aplicativo lançado, ontem, oficialmente: “É o trabalho da gente, mesmo, isso aí, trabalho do axé”, diz. O app está disponível nas lojas da Apple Store e Play Store e pode ser baixado gratuitamente. 

Fonte: http://www.correio24horas.com.br