Unfpa abre vaga para consultoria em apoio logístico em Oficinas do Juventude Viva

0
0
0
s2sdefault

Até o dia 27 de maio, o Fundo de População das Nações Unidas (Unfpa) está com edital aberto para uma vaga de consultoria por produto, para apoio logístico das Oficinas Juventude Viva do ‘Projeto Fortalecendo as ações da SEPPIR nas áreas de saúde, políticas para juventude e políticas para comunidades quilombolas’. O local de trabalho é Brasília.

Os interessados devem encaminhar currículo atualizado, carta de apresentação e documentos que comprovem experiência, em arquivos eletrônicos, identificados com o nome e sobrenome, para o e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., com o assunto: Apoio logístico para as oficinas Juventude Viva.

O contratado será responsável por apoiar o planejamento, organização, execução das Oficinas de Identificação e Abordagem do Racismo Institucional a serem realizadas pelo Juventude Viva com gestores municipais e estaduais das localidades pré-definidas; documentar a fase de preparação das oficinas mencionadas e; coordenar as operações logísticas para a execução das oficinas.

Os requisitos para contratação são experiência comprovada na execução de atividades de organização de eventos; experiência comprovada na mobilização e articulação de diferentes atores estratégicos para atividades de formação; conhecimento da temática racial e políticas públicas de promoção da igualdade racial; capacidade de organização, trabalho em equipe e cumprimento de prazos e; capacidade de análise e síntese, de comunicação oral e escrita. A duração do trabalho é de 10 de junho a 20 de dezembro de 2014 e a remuneração,  R$ 9.798,00.

Juventude Viva - Os homicídios são hoje a principal causa de morte de jovens de 15 a 29 anos no Brasil e atingem especialmente jovens negros do sexo masculino, moradores das periferias e áreas metropolitanas dos centros urbanos. Dados do Ministério da Saúde mostram que mais da metade (53,3%) dos 49.932 mortos por homicídios em 2010 no Brasil eram jovens, dos quais 76,6% negros (pretos e pardos) e 91,3% do sexo masculino. Em resposta a esse desafio, o Governo Federal lançou a primeira fase do Plano de Enfrentamento à Violência Contra a Juventude Negra - Juventude Viva. Sob a coordenação da SEPPIR e da Secretaria-Geral da Presidência da República, por meio da Secretaria Nacional de Juventude, o Juventude Viva é fruto de uma intensa articulação interministerial para enfrentar a violência contra a juventude brasileira, especialmente os jovens negros, principais vítimas de homicídio no Brasil.

 Acesse aqui o edital completo. 

FONTE SEPPIR

0
0
0
s2sdefault